domingo, 27 de novembro de 2016

FORD PAGA 216 MILHÕES DE INDENIZAÇÃO AO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL

Olívio de Oliveira Dutra defendeu o mais legítimo interesse público que é aplicar is recursos do estado no que é mais necessário, socialmente justo e politicamente correto. E agora a justiça confirma a decisão e isto não é antecedido de um gesto de todos que o ridicularizaram sentirem vergonha, simplesmente porque eles não tem vergonha alguma. Isto mostra apenas o tamanho da perversão e da pequenez política da RBS, dos partidos que o criticaram e de suas lideranças. Ficou provado também que eles não tem envergadura moral para defender o nosso estado de maus acordos, péssimas políticas e de ações injustas vindas de qualquer parte. Lembra te quem são eles e saberás o tamanho da dificuldade que há em nosso estado para tirar ele deste atoleiro em que estás bestas o meteram e continuam agravando...

Saiu na ZH, (25/11) em matéria que repercute a condenação da Ford de indenizar o RS:
Por Olívio Dutra


"Fica demonstrado que o nosso governo teve conduta correta, em defesa dos interesses coletivos. O dinheiro público é escasso e não pode se facilitar a transferência de recursos para uma grande empresa, uma multinacional, deixando de lado microempresários e os servidores".

AS MASSAS TIRÂNICAS

O que me preocupa muito nos últimos tempos não são os tiranos e os candidatos a tiranos, mas sim essas massas que mesmo quando defendem a liberdade ou a igualdade, exibem a tendência a defesa e a ação de uma tirania violenta, perversa e ignorante. As massas tiranas são bem mais perigosas....porque elas não somente são capazes de eleger ou erguer tiranos, mas principalmente defender eles sem nenhum escrúpulo ou sensibilidade. Sua raiva e ódio pelos outros traí e confessa toda a estupidez velada na nossa sociedade.

ADEUS FIDEL E HASTA LA VISTA

E se foi o último homem revolucionário do século XX. Sua obra ao fim e ao cabo se resume na brutal realidade latino americana e do terceiro mundo em ter feito de Cuba algo oposto ao projeto e ao modo de exploração e dominação do imortal imperialismo. Renato Janine Ribeiro acerta na mosca ao dizer assim: "Sem a Revolução cubana, apesar de sua deriva ditatorial, Cuba seria o que hoje é o Haiti." Obrigado Fidel Castro milhões sobreviveram e uma outra perspectiva de vida se exibe em tua obra....cest la vie...

DA EXPLORAÇÃO - REPLAY E REEDITADO

"Nunca foi preciso explicar a um trabalhador o que é exploração."

Jacques Ranciere


A exploração ele vê na hora. Ele sente como se sente o calor na pele. O trabalhador percebe através da dissimulação, do discurso, do volteio de corpo e de sua paga e da forma da sua paga exatamente quem está levando vantagem neste negócio. E o trabalho tem destas coisas...isso talvez explique porque tantos trabalhadores precisam aplacar em igrejas, templos, seitas, clubes, jogos, bares e diversões a sua raiva e seu ódio em relação aos exploradores e ao sistema de exploração. E, para mim, a parte pior disto deve ser quando um explorador pertenceu à sua mesma classe ou é teu próximo. E não dá para dizer certas coisas com um ar superior e julgando que elas justifiquem a tua posição de explorador ou os teus privilégios em relação aos demais. Este teu discurso nesse sentido expõe tua terrível pretensão de além de explorar o outro, procurar ludibriá-lo ou pior que isto ousar desrespeitá-lo. Quando escolhi minha profissão tive em mente a relação de exploração e de dominação de um homem sobre o outro e desejei profundamente não reproduzir este jogo, esta lógica e este sistema no qual estamos inseridos e muitos procuram com orgulho, ambição e muita vaidade este lugar superior aos demais, distintivo e confortável na cadeia econômica e política das relações sociais. Sou ainda um bom selvagem e só te digo uma coisa: calma lá, porque isto não significa que eu não saiba morder e mastigar este mundo e o pão amassado da vida. Não faça isto..PARE!



Minha dívida - apesar de andar muito em Platão por boas razões et par cause - é com Ranciére de ontem e de sempre VOIR ICI:

http://www.philomag.com/les-idees/entretiens/jacques-ranciere-il-ny-a-jamais-eu-besoin-dexpliquer-a-un-travailleur-ce-quest

DA EXPLORAÇÃO - REPLAY E REEDITADO

"Nunca foi preciso explicar a um trabalhador o que é exploração."

Jacques Ranciere


A exploração ele vê na hora. Ele sente como se sente o calor na pele. O trabalhador percebe através da dissimulação, do discurso, do volteio de corpo e de sua paga e da forma da sua paga exatamente quem está levando vantagem neste negócio. E o trabalho tem destas coisas...isso talvez explique porque tantos trabalhadores precisam aplacar em igrejas, templos, seitas, clubes, jogos, bares e diversões a sua raiva e seu ódio em relação aos exploradores e ao sistema de exploração. E, para mim, a parte pior disto deve ser quando um explorador pertenceu à sua mesma classe ou é teu próximo. E não dá para dizer certas coisas com um ar superior e julgando que elas justifiquem a tua posição de explorador ou os teus privilégios em relação aos demais. Este teu discurso nesse sentido expõe tua terrível pretensão de além de explorar o outro, procurar ludibriá-lo ou pior que isto ousar desrespeitá-lo. Quando escolhi minha profissão tive em mente a relação de exploração e de dominação de um homem sobre o outro e desejei profundamente não reproduzir este jogo, esta lógica e este sistema no qual estamos inseridos e muitos procuram com orgulho, ambição e muita vaidade este lugar superior aos demais, distintivo e confortável na cadeia econômica e política das relações sociais. Sou ainda um bom selvagem e só te digo uma coisa: calma lá, porque isto não significa que eu não saiba morder e mastigar este mundo e o pão amassado da vida. Não faça isto..PARE!

http://www.philomag.com/les-idees/entretiens/jacques-ranciere-il-ny-a-jamais-eu-besoin-dexpliquer-a-un-travailleur-ce-quest

SOBRE BATER PANELAS

Essa retórica de bater panelas é muito ruim. Bater panelas é para mim o gesto preguiçoso na política. Deveriam fazer política e expressar mais claramente suas propostas. Não basta tirar este ou colocar aquele. É preciso definir a política e a proposta senão é só barulho e barulho serve para qualquer coisa, inclusive, para esta grande porcaria que aí está.

ALL YOU NEED IS LOVE

All you need is love - para mudar estas energias proponho uma revolução hippie, alto astral, boas energias, muito amor, compreensão, resgatar nossa boa vontade e mudar completamente este país através disto. O movimento cultural e educacional e os cidadãos e cidadãs de boa vontade podem derrotar a maldade e a ignorância! Tudo que nós precisamos é isto!


Abaixo cartaz dos alunos e alunas do Olindo Flores com este lindo tema que guia em palavras está canção do Beatles....